Tribunal de Contas do Estado da Paraíba
Página Inicial > Notícias > Presidente do TCE enaltece o trabalho dos auditores e uso da tecnologia no combate à corrupção

Notícias

Presidente do TCE enaltece o trabalho dos auditores e uso da tecnologia no combate à corrupção

Por Ascom/TCE-PB

unnamed.jpg

 “Sem o trabalho dos auditores, não haveria combate à corrupção. Eles formam a coluna vertebral do controle externo”. A observação é do presidente do Tribunal de Contas da Paraíba, conselheiro Arnóbio Viana, ao abrir, nesta sexta-feira (3), o seminário ‘A Auditoria na Era da Tecnologia da Informação: inovação, desafios e oportunidades’. O evento contou com a participação de servidores, auditores e corpo técnico

No Seminário, realizado como parte das celebrações alusivas ao Dia Nacional de Controle Externo, transcorrido em 27 de abril último, o conselheiro  Arnóbio Viana defendeu que a sociedade tenha, cada vez mais, “a melhor compreensão possível do papel estratégico desses profissionais  e do quanto contribuem para a responsabilidade fiscal, a probidade e a eficiência administrativas”.

Para ele, os auditores, com sua formação multidisciplinar em ciências contábeis, jurídicas e econômicas, são essenciais na busca permanente pela correta aplicação dos recursos públicos. Principalmente, completou, “em áreas como saúde e educação, setores já tão pouco assistidos, quanto, também, por exemplo, no urbanismo e na infra estrutura das cidades”.

A união desse conhecimento, capacidade técnica e a coragem dos profissionais no trabalho de campo com os recursos da tecnologia disponíveis hoje em dia, é o que será capaz de garantir, na opinião do conselheiro, o “combate permanente às tentativas de dilapidação desse patrimônio da sociedade - os recursos públicos”.

E completou: “O uso das novas tecnologias torna mais célere a descoberta das irregularidades e fortalece o controle externo”.

DATA E RECONHECIMENTO -  rRepresentante da Assembleia Legislativa no Seminário, o deputado Raniery Paulino, autor da Lei 10.940/17, que instituiu a data comemorativa da categoria, presente ao evento, também destacou a importância do trabalho dos auditores tanto na fiscalização do uso das verbas públicas quanto na orientação que prestam aos gestores, de forma geral.

“Os postulados de vocês, pelo que representam na defesa e zelo do dinheiro público, também são pilares para nossa democracia”, frisou.

O procurador geral de Justiça, Francisco Seráphico da Nóbrega, enalteceu,     por sua vez, que o papel colaborativo e atuante das instituições de controle externo não seria exercido a contento sem o trabalho dos auditores. “É estratégico: o auditor é o verdadeiro responsável pela matéria prima das decisões emanadas dos tribunais de contas”, disse.

Os auditores Paulo Germano e Matheus Lacerda, presidentes, respectivamente, do Sindicato dos Profissionais de Auditoria do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba e da Associação dos Auditores de Controle Externo do TCE-PB, destacaram a oportunidade do evento para reflexões e o debate sobre o desafios e oportunidades que as novas tecnologias trazem para os profissionais da área e para as instituições de controle, como um todo. Ambos agradeceram pela parceria com o TCE-PB para realização do seminário.

    A procuradora Isabela Barbosa Marinho Falcão, falando pelo Ministério Público de Contas, manifestou a expectativa de que, para além das reflexões, o debate em torno do tema contribua para “tornar a tecnologia cada vez mais uma forte aliada da informação de qualidade disposta à sociedade, ao serviço dos auditores e, por extensão, ao trabalho do próprio Ministério Público”.

PALESTRAS E PAINEL – Em seguida, o professor da Universidade Federal da Paraíba Aléssio Cavalcanti de Almeida, abriu as exposições temáticas falando sobre Monitoramento e avaliação de políticas públicas usando Big Data e Machine Learning. E destacando, na ocasião, a importância do uso da tecnologia para o acompanhamento, em tempo real, da eficiência de serviços públicos em áreas essenciais como saúde, educação e segurança pública.

O auditor de contas públicas André Agra fez, na sequência, a exposição inicial do painel ‘Tecnologia, Controle e Combate à Corrupção’, Ele falou sobre a Auditoria 4.0: Desafios e oportunidades na era digital’, frisando como um caminho sem volta o papel cada vez maior dos cidadãos no controle social, desde a aplicação dos recursos à qualidade dos serviços prestados pelo poder público à população. “

O painel, sob mediação da auditora de contas Lúcia Patrício, fechou com mais três exposições, todas de auditores do TCE-PB:  A moderna rede de fiscalização e controle: Tendências de compartilhamento de dados, tema exposto por Willo Pinheiro; Planejamento de orçamento municipal: Análise das técnicas de mineração de texto, por Weverton Sena; e ‘Processo de acompanhamento de gestão e desafios do controle preventivo’, apresentado por  Pedro Fleury.

 

GALERIA DE FOTOS DO EVENTO

 

Ascom/TCE-PB

03 05 19.

 

Tribunal de Contas do Estado da Paraíba

Rua Professor Geraldo Von Sohsten, 147 - Jaguaribe,

João Pessoa/PB - CEP: 58.015-190

Telefone:(83) 3208.3300 - Telefax:(83) 3208.3364

Horário de expediente: de segunda à sexta-feira das 07h às 17h e sextas de 7h às 13h

Público externo: de segunda à sexta de 7h às 13h

Veja a Localização no Google Maps