Tribunal de Contas do Estado da Paraíba
Página Inicial > Notícias > Aos 66 anos, morre o conselheiro Marcos Costa do Tribunal de Contas da Paraíba

Notícias

Aos 66 anos, morre o conselheiro Marcos Costa do Tribunal de Contas da Paraíba

Por Ascom/TCE-PB

IMG-2559.JPG

O conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba, Marcos Antônio da Costa, morreu nesta sexta-feira (09), às 17h 30, aos 66 anos, vítima de falência múltipla de órgãos .Ele estava internado num hospital particular de João Pessoa.

 Por meio de nota, o presidente do TCE-PB, conselheiro Arnóbio Viana confirmou a informação e lamentou a morte do conselheiro. "A notícia deixa a todos nós, que fazemos o Tribunal de Contas, extremamente consternados", diz um trecho da nota. 

O velório e a cremação acontecerão, neste sábado (10), a partir das 8h, no Crematório Caminho da Paz, na BR 230, estrada de Cabedelo.

Em 15 de outubro de 2015, Marcos Costa foi nomeado, por ato governamental, conselheiro titular do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba. Sua posse ocorreu no dia 28 de outubro de 2015.

 Ele Ingressou no Tribunal de Contas do Estado em 16 de janeiro de 1987, por concurso público, como Técnico em Controle Externo, cargo posteriormente transformado em Analista de Controle Externo e depois em Auditor de Contas Públicas. Passou de auditor a conselheiro substituto em 5 de fevereiro de 1999.

CONFIRA NOTA NA ÍNTEGRA 

"É com profundo e imenso pesar que comunicamos o falecimento do conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba, Marcos Antônio da Costa ocorrido nesta sexta-feira (09), em João Pessoa, ocasionado por falência múltipla de órgãos. Homem íntegro,sereno e justo.

A notícia deixa a todos nós, que integramos o TCE, extremamente consternados. Marcos Costa tinha 66 anos, deixa viúva, duas filhas e um neto.

Que Deus o receba e guarde num lugar muito especial. À família, nossos mais sinceros pêsames."

 

Conselheiro Marcos Costa.JPG

CARREIRA

Marcos Antônio da Costa – Natural de Itaporanga (PB), nascido em 6 de janeiro de 1953, graduou-se em Ciências Jurídicas e Sociais, no ano de 1978,  pela Universidade Federal da Paraíba. Exerceu a advocacia  de1979 a 1986, e atuou como advogado da Procuradoria Geral do Estado da Paraíba.

Sua vasta experiência no setor público inclui exercício de cargos, e funções de chefia, na Secretaria de Interior e Justiça da Paraíba, secretarias de Saúde e da Segurança do Maranhão, Fundação do Bem Estar do Menor (MA), Departamento Estadual de Trânsito do Estado da Paraíba, e Prefeitura Municipal de João Pessoa.

Ingressou no Tribunal de Contas do Estado da Paraíba em 16 de janeiro de 1987, por concurso público, como Técnico em Controle Externo, cargo posteriormente transformado em Analista de Controle Externo e depois em Auditor de Contas Públicas. Foi Coordenador da Auditoria de Aposentadorias, Pensões e Reformas;  Chefe do Departamento de Controle de Atos de Pessoal (DECAP); e Diretor de Auditoria e Fiscalização (DIAFI).

E integrou ainda, no TCE-PB, o Grupo de Acompanhamento do Programa de Eficiência, Eficácia e Efetividade das Ações de Controle Externo; a Comissão de Reestruturação do Plano de Cargos e Salários; Comissão de Inspeção Especial em diversos entes do Estado; e, também, a Comissão de Edição das Súmulas e Jurisprudências, além do Conselho de Cultura do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba.

Passou de auditor a conselheiro substituto em 05/02/1999, e atuou como conselheiro em exercício em várias oportunidades, substituindo os conselheiros titulares Arnóbio  Viana, Marcos Ubiratan, Nominando Diniz, Flávio Sátyro Fernandes e José Mariz.

 VEJA  REPERCUSSÃO:

Conselheiros, presidentes de Tribunais de Contas, entidades de classe, personalidades e colegas do Tribunal de Contas manifestaram pesar pela morte do conselheiro Marcos Costa , que aconteceu no final da tarde desta sexta-feira (09).

 O Conselheiro Fábio Nogueira, presidente da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil, emitiu uma nota, em nome dos dirigentes da Atricon, expressando condolências aos familiares, amigos e assessores e enaltecendo a trajetória profissional do conselheiro Marcos Costa.      

“A Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) comunica, com imenso pesar, o falecimento do Conselheiro Marcos Antônio da Costa, membro do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB), ocorrido às 17h30 desta sexta-feira (9), em um hospital de João Pessoa.

Marcos Costa sempre dignificou os cargos que ocupou. Exemplo mais expressivo do seu comportamento ético e denodado à função pública, foi a longa trajetória no Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, onde ingressou como Técnico de Controle Externo, por meio de concurso público, em 1985. Em 2015 foi alçado ao cargo de Conselheiro já com uma larga experiência e grande competência no exercício do Controle Externo.

Os dirigentes da Atricon transmitem profundas condolências aos familiares, amigos e assessores, rogando a Deus pelo conforto de todos”.

Fábio Túlio Filgueiras Nogueira, Presidente

 

 Presidente do Tribunal de Contas de Pernambuco, por meio de nota, se manifesta sobre a morte e se solidariza com colegas do TCE-PB

 “Em nome de todos que fazem o Tribunal de Contas de Pernambuco manifestamos nosso pesar pela perda do Conselheiro Marcos Antônio da Costa. Nossos profundos sentimentos à família e nossa solidariedade aos amigos e colegas do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba neste momento de tanta dor”.

Marcos Loreto

Presidente do Tribunal de Contas de Pernambuco


O presidente do Tribunal de Contas de Goiás, Celmar Rech, envia mensagem ao TCE-PB lamentando a morte do conselheiro paraibano

“O Tribunal de Contas do Estado de Goiás lamenta profundamente a morte do conselheiro Marcos Antônio da Costa, do Tribunal de Contas da Paraíba. Manifestamos nossos pêsames à família e amigos, assim como nossa solidariedade aos servidores e membros daquela corte de contas”. 

Celmar Rech
Presidente do TCE-GO


  Nota do presidente do Tribunal de Contas do Espírito Santo

“O Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo (TCE-ES) manifesta profundo pesar pelo falecimento do conselheiro do Tribunal de Contas da Paraíba Marcos Antônio da Costa. A Corte capixaba expressa sentimentos à família enlutada, e se solidariza com membros e servidores do TCE-PB neste momento de grande tristeza”.


SERGIO ABOUDIB 
Presidente do TCE-ES


Nota do TCE de Rondônia

“O Tribunal de Contas de Rondônia, por meio de todos os seus Membros, manifesta profundo pesar pelo falecimento do Conselheiro Marcos Antônio da Costa (TCE-PB), ocorrido na tarde desta sexta-feira (9). Ele tinha 66 anos, deixa viúva, duas filhas e um neto.

Rendendo nosso tributo ao trabalho e ao legado do Conselheiro Marcos Costa, em especial sua dedicação à causa dos Tribunais de Contas do Brasil, assim como sua relevante contribuição para o fortalecimento do Sistema de Controle Externo Nacional, o TCE-RO presta condolências e se solidariza com todos os Membros e Servidores do TCE da Paraíba e também a família enlutada e amigos do nobre Conselheiro”.

 

Conselheiro EDILSON DE SOUSA SILVA
Presidente do Tribunal de Contas de Rondônia (TCE-RO)


O Sindicato dos Profissionais de Auditoria do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (Sindcontas) emite nota de pesar em virtude do falecimento do Conselheiro Marcos Costa

 “O SINDCONTAS vem expressar o seu profundo pesar pelo falecimento do Conselheiro Marcos Antônio da Costa, na data de hoje. Marcos Costa tinha 66 anos, era natural de Itaporanga – PB e ocupou o cargo de Auditor de Contas Públicas de 1987 até o ano de 1999, ano esse em que ingressou no cargo de Conselheiro Substituto. Desde 2015, ocupava o cargo de Conselheiro no Tribunal de Contas do Estado da Paraíba. 

À família e amigos, prestamos nossas condolências e deixamos os nossos mais sinceros pêsames”.


Paulo Germano da Costa A. Filho

Presidente do Sindcontas em exercício

 

A Associação Paraibana da Advocacia Municipalista (Apam), emitiu nota de pesar

 “Com muita tristeza recebemos a notícia do falecimento do conselheiro Marcos Costa. Ele era um homem íntegro, que se dedicava ao trabalho e ao zelo com dinheiro público.

Formado em Direito, era técnico, que nos transmitia ensinamentos valorosos a cada julgamento, sempre defendendo o seu ponto de visita. Ele deixaum grande legadoe muitas lições sobre respeitoe zelo com a coisa pública.

Externamos os nossos pêsames à família e amigos de Marcos Costa. Pedindo conforte neste momento de tanta dor e sofrimento”.

 

Presidente da Apam

Advogado Marcos Villar

 

 

Ascom/TCE-PB

(Fábia Carolino)

(09/08/2019)

 

 

 

Conteúdo
IMG-2559.JPG by Fábia Carolino — last modified 09/08/2019 18h40

Tribunal de Contas do Estado da Paraíba

Rua Professor Geraldo Von Sohsten, 147 - Jaguaribe,

João Pessoa/PB - CEP: 58.015-190

Telefone:(83) 3208.3300 - Telefax:(83) 3208.3364

Horário de expediente: de segunda à sexta-feira das 07h às 17h e sextas de 7h às 13h

Público externo: de segunda à sexta de 7h às 13h

Veja a Localização no Google Maps